Sociedade de Porcelanas de Coimbra


A Sociedade de Porcelanas de Coimbra foi fundada em 1922. 

No ano de 1936 ou 1945, alegadamente, devido a problemas económicos foi adquirida em parceria pela Vista Alegre (Ilhavo) e pela Electro-Cerâmica do Candal (Gaia) em cotas iguais. 

No final dos anos 40, a Vista Alegre adquire também a Electro-Cerâmica do Candal, passando então a ser a única proprietária da Sociedade de Porcelanas de Coimbra, passando a produzir na fábrica de Coimbra as duas marcas nas suas peças.
Em 12 de Dezembro 2005, após período conturbado entre a sua administração, encerra tal como tantas outras fábricas deste ramo na região.

Link




A Sociedade de Porcelanas de Coimbra foi  presumivelmente fundada em 1922, com concessão de alvará em 1924, tendo encerrado definitivamente no final de 2005.
Mais conhecida pelo uso da marca Coimbra S.P., inicialmente o seu logótipo consistia num círculo cujas figuras centrais citavam as Armas da cidade de Coimbra.


Link 

A marca SP1 terá sido usada nas décadas de 1920 a 1940, a marca SP2 nas décadas de 1930 e 1940, a marca SP3 entre a década de 1940 e o princípio da década de 1970, a marca SP4 a partir desta última década, e a marca SP5 a partir da década de 1990.






  


Fotos da Fábrica 

No comments:

Post a Comment